Archive for the ‘Curiosidades’ Category

Um lugar especial

15 maio, 2009

 

 

“Ler não é mais uma marca de sabedoria, mas de cidadania.

(Emília Ferrero)

Se há um lugar agradável de se ficar no colégio é a biblioteca. Ali as pessoas ficam íntimas dos livros, trocam idéias, pesquisam , ficam felizes… Ah, encontram também uma bibliotecária sempre sorridente e atenciosa que organizou o ambiente de forma a que ela pudesse colaborar efetivamente com os usuários.

IMG_081

A biblioteca dispõe de livros em geral, paradidáticos, fitas de vídeo, periódicos(revistas e jornais) , enciclopédias, dicionários e Internet.

IMG_093

Sempre que os alunos precisam fazer uma pesquisa, a Mary, bibliotecária, orienta-os a consultar os melhores sites, livros e revistas e também dá-lhes o suporte necessário para o uso de diversas ferramentas necessárias a fins determinados. “Mostro-lhes que o importante numa pesquisa não é editar e colar o que se encontra no site, mas sim, pesquisar, ler e entender o conteúdo, para se apresentar ao professor, nunca copiar.”, diz ela. Comenta também que tem o domínio sobre os usuários com um programa para monitorar a rede, caso eles entrem em sites não permitidos.

Para ela, embora a biblioteca tenha acompanhado o desenvolvimento da tecnologia com a vinda da informatização, sem os livros não somos quase ninguém, pois pode-se acabar a energia elétrica, dar pane nos computadores, mas temos o livro que é um documento palpável e utilizável a qualque hora.

PIC_4328

A leitura é considerada a atividade mais importante para desenvolver no leitor a sensibilidade, a memória, a imaginação. É por meio do contato com o livro que ele adquire vocabulário e conhecimento para fazer sua própria leitura do mundo. É essencial estimular o leitor com livros adequados ao seu nível de compreensão leitora. É por isso que convidamos a todos vocês a visitarem e frequentarem a biblioteca do colégio.

Babel das línguas

23 abril, 2009

 

No mundo existem aproximadamente 2700 línguas e 7 mil dialetos. As três línguas com o maior número de falantes são o mandarim, falado na China, o hindi, falado na Índia e o inglês, falado nos Estados Unidos, na Inglaterra e em várias partes do mundo.

O português ocupa o 7º lugar e é falado por cerca de 200 milhões de pessoas em quatro continentes, e no Brasil estão quase 90% dos seus falantes.

(Português Linguagens 1, William R. Cereja , p.53)

Brasil de 180 línguas

Além do português, há no Brasil aproximadamente 180 línguas indígenas, faladas por 225 etnias. Dessas línguas, 110 são consideradas em extinção, pelo fato de serem faladas por menos de 500 pessoas.

Estima-se que, em 1500, cerca de 6milhões de índios falavam 1078 idiomas. Hoje, a população indígena brasileira chega a no máximo entre 440 mil e 500 mil indivíduos. Atribui-se o desaparecimento das línguas indígenas às pressões políticas do colonizador e, posteriormente, às necessidades de sobrevivência das populações indígenas.

(Fonte: Revista Língua Portuguesa, nº 26)

Entrevista

16 dezembro, 2008

 

    Nossa entrevistada é a professora Regina Isabel Santos, professora do Ensino Fundamental I do Colégio Spinosa, que desenvolve trabalhos muito interessantes com seus alunos e é muito querida por todos.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

(more…)

Português do Brasil e de Portugal.

20 junho, 2008

8025_im_grande

É até engraçado como algumas palavras da Língua Portuguesa podem ter um sentido tão diferente quando ditas aqui em terras Tupiniquins ou em terras Lusitanas.

Vejamos alguns exemplos clássicos :

Garoto:
No Brasil, menino.

Em Portugal, é o nome popular do café com leite que se toma nos cafés ou restaurantes, sendo comum a distinção entre o “garoto claro” (mais leite do que café) e o ” garoto escuro” (vice-versa):

Disse Manuel:

” – Traz-nos dois garotos claros e alguns biscoitos.”

Apelido:
No Brasil, é alcunha, nome informal que se dá a uma pessoa.

Em Portugal, é o sobrenome, nome de família

Jornaleiro:
No Brasil, vendedor de jornais.

Em Portugal, é o que chamamos de diarista, trabalhador que recebe por jornada de trabalho.

Cuecas:

No Brasil, roupa íntima masculina.
Em Portugal, designa, além de roupas de baixo do homem, a peça feminina equivalente, muitas vezes indicada no diminutivo para distinguí-la da masculina:

“A janela estava aberta, e vi-a a caminhar no quarto apenas em cuequinhas!”

A importância de uma vírgula.

4 junho, 2008

Expressões

7 fevereiro, 2008

BATER AS BOTAS.

SIGNIFICADO: 

Morrer.

HISTÓRICO:

Em meados do século passado, durante a Guerra do Paraguai, quando os latifundiários viam seus filhos serem convocados, enviavam, no lugar, dezenas de escravos negros. E eles tinham que usar botas, sem antes nunca ter usado nem mesmo uma mísera sandalinha. Quando fugiam dos inimigos pelo mato, batiam as botas uma contra a outra e caíam fácil nas mãos dos paraguaios. E morriam. “Batiam as botas” e morriam.

boots.jpg

JURAR DE PÉS JUNTOS

SIGNIFICADO:

Prometer dizer a verdade

HISTÓRICO:

Vem da Inglaterra. Lá, até o final do século passado, os criminosos iam para julgamento diante dos juízes com as mãos e os pés algemados. E prometiam, é claro, dizer a verdade, nada além da verdade, “jurar de pés juntos”. Surgiu a expressão. Só a partir do começo do século XX os criminosos começaram a se apresentar soltos e escoltados por soldados a pedido da Rainha Elizabeth II.

 Fonte: Mário Prata