AMOR E PRECONCEITO.

by

Philipe e Melanie cursavam o terceiro ano de medicina e eram muito próximos um do outro. Esse sentimento aumentava a cada dia mais. Um dia, Philipe pediu para namorar com Melanie, porém seus pais eram contra esse namoro.

Os pais de Philipe não aprovavam pois Melanie era negra, e eles não aceitavam que alguém como seu filho, de descendência alemã, namorasse uma pessoa de cor. Já os pais de Melanie não aprovavam por acharem que a filha iria sofrer tendo sogros tão racistas.

Mas a proibição não adiantava. Os dois continuavam a se encontrar, fosse na faculade, na casa de algum amigo, enfim, onde desse, os dois se encontrariam.

clip_image001

Passaram-se alguns anos, eles se formaram, começaram a trabalhar, e continuaram apaixonados. A proibição dos pais, que os afetava muito, já nem afetava-os mais. Até Melanie descobrir que estava grávida.

Ela foi imediatamente falar com o namorado, e juntos decidiram contar para os pais. Então, marcaram uma reunião com os novos avós. Mas não deu certo, foi uma discussão só. De um lado, os pais de Philipe exigindo que a garota abortasse e, de outro, os pais de Melanie defendendo a vida do neto.

Philipe não aceitou o protesto dos pais e decidiu ficar ao lado da amada e de seu filho.

O bebê nasceu, um menino, e o chamaram de Gabriel, que significava ‘o enviado de Deus’.

Os avós paternos continuaram não aprovando, mas Melanie, Philipe e os avós maternos criaram o menino com tanto amor, o que supera tudo, principalmente o preconceito.

Beatriz Rizzato

Thais Alves

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: