Um lugar especial

15 maio, 2009 by

 

 

“Ler não é mais uma marca de sabedoria, mas de cidadania.

(Emília Ferrero)

Se há um lugar agradável de se ficar no colégio é a biblioteca. Ali as pessoas ficam íntimas dos livros, trocam idéias, pesquisam , ficam felizes… Ah, encontram também uma bibliotecária sempre sorridente e atenciosa que organizou o ambiente de forma a que ela pudesse colaborar efetivamente com os usuários.

IMG_081

A biblioteca dispõe de livros em geral, paradidáticos, fitas de vídeo, periódicos(revistas e jornais) , enciclopédias, dicionários e Internet.

IMG_093

Sempre que os alunos precisam fazer uma pesquisa, a Mary, bibliotecária, orienta-os a consultar os melhores sites, livros e revistas e também dá-lhes o suporte necessário para o uso de diversas ferramentas necessárias a fins determinados. “Mostro-lhes que o importante numa pesquisa não é editar e colar o que se encontra no site, mas sim, pesquisar, ler e entender o conteúdo, para se apresentar ao professor, nunca copiar.”, diz ela. Comenta também que tem o domínio sobre os usuários com um programa para monitorar a rede, caso eles entrem em sites não permitidos.

Para ela, embora a biblioteca tenha acompanhado o desenvolvimento da tecnologia com a vinda da informatização, sem os livros não somos quase ninguém, pois pode-se acabar a energia elétrica, dar pane nos computadores, mas temos o livro que é um documento palpável e utilizável a qualque hora.

PIC_4328

A leitura é considerada a atividade mais importante para desenvolver no leitor a sensibilidade, a memória, a imaginação. É por meio do contato com o livro que ele adquire vocabulário e conhecimento para fazer sua própria leitura do mundo. É essencial estimular o leitor com livros adequados ao seu nível de compreensão leitora. É por isso que convidamos a todos vocês a visitarem e frequentarem a biblioteca do colégio.

Anúncios

Pecados da língua

23 abril, 2009 by

 

Errado

Certo

Se ele dispor de tempo. Se ele dispuser de tempo.
Ela ficou meia nervosa. Ela ficou meio nervosa.
Segue anexo duas cópias do contrato. Seguem anexas duas cópias do contrato.
Seguem em anexo duas cópias do contrato.
Esse assunto é entre eu e ela. Esse assunto é entre mim e ela.

Babel das línguas

23 abril, 2009 by

 

No mundo existem aproximadamente 2700 línguas e 7 mil dialetos. As três línguas com o maior número de falantes são o mandarim, falado na China, o hindi, falado na Índia e o inglês, falado nos Estados Unidos, na Inglaterra e em várias partes do mundo.

O português ocupa o 7º lugar e é falado por cerca de 200 milhões de pessoas em quatro continentes, e no Brasil estão quase 90% dos seus falantes.

(Português Linguagens 1, William R. Cereja , p.53)

Brasil de 180 línguas

Além do português, há no Brasil aproximadamente 180 línguas indígenas, faladas por 225 etnias. Dessas línguas, 110 são consideradas em extinção, pelo fato de serem faladas por menos de 500 pessoas.

Estima-se que, em 1500, cerca de 6milhões de índios falavam 1078 idiomas. Hoje, a população indígena brasileira chega a no máximo entre 440 mil e 500 mil indivíduos. Atribui-se o desaparecimento das línguas indígenas às pressões políticas do colonizador e, posteriormente, às necessidades de sobrevivência das populações indígenas.

(Fonte: Revista Língua Portuguesa, nº 26)

Projeto aluno-autor

16 dezembro, 2008 by

 

    A noite de autógrafos no dia 28 de novembro foi deslumbrante. No ambiente circulavam as várias princesas dos contos maravilhosos com seus respectivos príncipes “todos” encantados, bruxas, bobo da corte, a velha Jerusa, Caio lacaio… Tivemos até rainha-mãe na platéia! E, por incrível que pareça,  Pedro  Bandeira também  marcou presença, através da representação do aluno Bruno Carvalho da Silva Brito.

 DIGITAL CAMERA

    Os alunos dos 5ºs anos dos períodos manhã e tarde fizeram uma apresentação digna da realeza ao encenarem a peça adaptada do livro “O fantástico mistério de Feiurinha”, de Pedro Bandeira.

PIC_3787

 DIGITAL CAMERA

    Na ocasião, tivemos o prazer de receber o autor de livros infanto-juvenis, Luiz Carlos Sales e o ilustrador Aparecido Fernandez Norberto (Cidão) que muito abrilhantaram nosso evento.

    Muito felizes, os pais foram presenteados com o 1º livro escrito, ilustrado e autografado por seus filhos.

 DIGITAL CAMERA

 DIGITAL CAMERA

    Nossos parabéns aos novos autores e ilustradores, aos pais pelo grande incentivo e participação e a toda a equipe que participou do projeto.

Entrevista

16 dezembro, 2008 by

 

    Nossa entrevistada é a professora Regina Isabel Santos, professora do Ensino Fundamental I do Colégio Spinosa, que desenvolve trabalhos muito interessantes com seus alunos e é muito querida por todos.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Continue lendo »

ENSAIO SOBRE A CEGUEIRA

19 novembro, 2008 by

 

    Os alunos realizaram um trabalho sobre a obra de José Saramago “Ensaio sobre a cegueira”. Este poderia ser analisado através do livro ou do filme dirigido pelo cineasta Fernando Meirelles.

    O importante era compreender as metáforas e expressar o próprio conhecimento através de um desenho e de uma frase que “traduzisse” a obra.

    A exposição realizada em sala de aula foi muito enriquecedora, pois os alunos apresentavam o seu cartaz, a sua interpretação e, ao explicar a sua decisão pelo desenho ou frase,expuseram muito além do que eles mesmos imaginavam, tornando a apresentação rica e emocionante.

    Tomar contato com uma obra de Saramago é indispensável para ampliar qualquer repertório.

    As frases a seguir não fazem parte, na sua maioria, daquilo que estava no cartaz, mas sim, da exposição oral.

    Vamos conferir?

Continue lendo »

II Mostra Cultural

14 novembro, 2008 by

 

    No dia 25 de outubro, o Colégio Spinosa realizou sua II Mostra-cultural com o objetivo de expor e apresentar vários trabalhos e atividades produzidos pelos alunos, incentivando-os a assumir a arte como uma forma de identificação, de formação e ação do sujeito e do cidadão.

    Foi muito importante a participação dos alunos na exposição dos trabalhos e no incentivo à leitura, nas belíssimas apresentações de música e dança no palco¸ no concurso de curta-metragem, abordando o tema “Valores” e também, na estréia oficial do nosso Blog.

    Nossos parabéns a todos que participaram e abrilhantaram o evento.

Professora Beth.

Hora da leitura

14 novembro, 2008 by

 

   O incentivo à leitura deve ser uma prática constante. Se, por um lado, o trabalho com leitura ajuda a formar leitores competentes, por outro, auxilia a produção de textos . Foi pensando nisso que no dia 27 de outubro, recebemos a visita do autor de livros, Sylvio Panza, que conversou com os alunos do Infantil III, 1º, 2º, 3º, 4º e 5º anos sobre o valor da leitura.

    É necessário desde cedo despertar o prazer de ler , a curiosidade e estimular a observação e a reflexão .

“Os pais são os primeiros e os mais importantes professores das crianças. Por isso, aqui estão nove maneiras de você ajudar seu filho a se tornar um bom leitor. ”

Continue lendo »

2º Concurso de Curta-metragem do Spinosa

14 novembro, 2008 by

Realmente nos surpreendeu o disputadíssimo concurso de curta-metragem em que muitos alunos apresentaram situações que envolviam a questão sobre valores, na II Mostra-Cultural do colégio, no dia 25 de outubro.

Aos vencedores das 3 categorias nossos parabéns e também a todos os que participaram pelo empenho e dedicação.

Professora Beth.

  Melhor Curta-metragem:

 

Melhor direção: 

 

Melhor roteiro:

Valores.

23 outubro, 2008 by

 

    Todos temos consciência da crise social que atravessamos e da urgente necessidade de direcionar a ação do homem, seguindo uma escala de valores, para que ele possa agir com ética, que saiba conduzir suas próprias idéias, com capacidade crítica para escolher e discordar com fundamento.

   Com o projeto desenvolvido no Colégio Spinosa, em Língua Portuguesa, procuramos, através da leitura, promover em nossos alunos dos 9ºs anos a necessidade de refletir sobre seus hábitos e atitudes, para que possam escolher a melhor maneira de se viver plenamente.

    Como encerramento do projeto nossos alunos produziram textos em que puderam demonstrar formas de se respeitar a vida, ser generoso, ouvir para compreender, redescobrir a solidariedade, rejeitar a violência e preservar o planeta. Tais valores independem de idade, cultura, raça ou religião e são a base da sustentabilidade da nossa espécie.

Professora Beth.